FTE: entenda a importância desse indicador na produtividade do RH

Ao passo que vivemos na era da experiência, é importante pensarmos na relação entre as empresas e os colaboradores. Nesse sentido, o full-time equivalent (FTE) auxilia na manutenção qualitativa das pessoas e dos processos.

Esse importante indicador no RH ajuda na mensuração de custos, delegação das atividades e na identificação de possíveis gargalos organizacionais que impactam na produtividade geral.

Assim, o FTE contribui também para a construção de um RH mais estratégico, uma vez que níveis baixos de produtividade podem simbolizar estresse, desmotivação ou até mesmo falta de capacitação do funcionário.

Você conhece esse indicador? Tem aplicado ele na sua empresa? No texto de hoje,  vamos entender como funciona o FTE e a sua importância para o RH das empresas. Acompanhe com a gente!

O que é FTE? 

A princípio, a sigla FTE é abreviação do termo em inglês “full-time equivalent” que, em tradução literal, significa “equivalente em tempo integral”.

Em outras palavras, refere-se ao número de horas úteis dedicadas por um funcionário na sua jornada de trabalho. 

Assim, a organização usa o indicador para converter o trabalho executado por funcionários de meio período em comparação com funcionários de tempo integral. 

Dessa forma, o conceito é utilizado para contar as “horas trabalhadas” em vez do número de funcionários para fazer orçamentos, prever equipe e calcular salários. 

Por exemplo, os gerentes administrativos usam FTE para avaliar a carga exigida para um determinado projeto, bem como os custos de mão de obra. 

Ao mesmo tempo, ao estimar o número de colaboradores em tempo integral para realizar as tarefas necessárias, é possível calcular os salários com base nas horas dedicadas ao projeto.

Importância do FTE na produtividade do RH 

De maneira geral, o full-time equivalent é um importante indicador para o time de RH, uma vez que é capaz de auxiliar na definição de estratégias com base em dados.

Só para exemplificar, a análise de produtividade é um dos principais pontos de foco do RH por meio do cálculo do FTE. 

Vamos supor que dois colaboradores, com o mesmo FTE, estão com níveis diferentes de entrega, enquanto o Colaborador 1 produz 30 peças o Colaborador 2 produz 66 peças.

Nesse caso,  a Gestão de Pessoas pode avaliar a necessidade de capacitação do Colaborador 1 ou se é o caso de sobrecarga do Colaborador 2, por exemplo.

A partir disso, o RH consegue identificar possíveis problemas organizacionais, uma vez que baixos índices de produtividade também podem estar relacionados a processos mal definidos, falta de motivação e desqualificação e índices altos de turn over. 

Nesse contexto, é importante salientar que a felicidade do colaborador está diretamente relacionada à produtividade no trabalho.

De acordo com um estudo realizado pela Universidade da Califórnia, um trabalhador feliz é, em média, 31% mais produtivo, três vezes mais criativo e vende 37% a mais em comparação com outros.

Inclusive, a sensação de pertencimento e felicidade no trabalho estão estritamente relacionadas ao engajamento e interesse com a equipe.

Por isso, é fundamental que a gestão de pessoas atue pensando nas melhores estratégias para os talentos da companhia.

Ou seja, o RH precisa automatizar as tarefas consideradas operacionais e investir o seu tempo em ações para reter talentos, otimizar os processos a fim de aprimorar a eficiência empresarial.

Como calcular o FTE?

Inicialmente, a empresa precisa do tempo de trabalho útil do colaborador e o limite da jornada semanal em tempo integral. Agora, basta dividir os dois valores para encontrar o valor do FTE:


FTE = tempo de trabalho útil / jornada de trabalho em tempo integral

Por exemplo, em uma empresa com jornada semanal de 40 horas semanais, podemos exemplificar a fórmula da seguinte forma: 

FTE = 36 / 40

FTE = 0;9

Ao mesmo tempo, o cálculo de full-time é usado para escalar um time de colaboradores para determinado projeto. 

Só para exemplificar, em um plano de construção estimado em 300 horas de trabalho, pode determinar suas necessidades de pessoal usando a seguinte equação FTE:

(Tempo de jornada integral) x (Número de funcionários em tempo integral) x (Número de dias trabalhados) = 300 horas

Se considerarmos a jornada de trabalho como 8 horas diárias, isso significa que o número de funcionários em tempo integral seria de 37,5 (300 horas / 8 horas = 37,5)

Assim, junto com o gerente, o RH pode designar a atividade para esses 37,5 de diversas maneiras: 

  • Atribuir a tarefa para 3 funcionários e um funcionário em meio período para trabalhar no projeto por 10 dias, ou 

  • Alocar 12 colaboradores de tempo integral e um de meio período por cinco dias. 

Desse modo, é possível ajustar e diversificar os cálculos com base no escopo e nos requisitos do projeto, aumentando ou diminuindo conforme necessário.

Além disso, aspectos como férias, feriados, pausa para descanso e os minutinhos para esticar o corpo precisam ser considerados para que o cálculo seja realizado corretamente.

As pessoas têm direito a uma pausa de dez minutos a cada hora trabalhada. Dessa forma, um FTE de 85% com a margem pode ser considerado saudável e produtivo.

Conheça a Neotalk, seu novo RH!

Em resumo, o FTE é um importante indicador para otimizar as ações e estratégias, principalmente do RH.

Além de entender os gastos de produtividade da organização, o full-time equivalent contribui para que a atuação da gestão de pessoas seja cada vez mais estratégica e voltada para o bem do colaborador. 

Lembre-se o envolvimento e interesse da empresa estão diretamente relacionados ao índice de satisfação e produção dos funcionários

No entanto, atualmente os times de Recursos Humanos das empresas têm sofrido com as altas demandas de processos burocráticos e operacionais.

Pensando nisso, criamos uma ajuda techumanizada para te apoiar nessas tarefas e tornar a atuação do setor de RH mais estratégico e com foco nas pessoas.

Com a Neotalk você conta com o apoio da Nina, uma assistente especializada em gestão de pessoas com o tom de voz, cultura e o jeito de ser, agir e pensar de sua empresa.⠀

Agende um bate papo com a nossa equipe e comece a jornada de transformação do seu RH!


Compartilhe
LOGOTIPO-BRANCO

A nova versão do seu RH

Entre em Contato

Copyright © 2020 NEOTALK. Todos os direitos reservados.